"" Como Importar Produtos Novos

sexta-feira, 8 de setembro de 2017

Saiba As Principais Estratégias dos Grandes Importadores de Sucesso

A empresa que optar por esse tipo de registro, que é o mais simples, terá o direito de importar até 50 mil dólares no período de 6 meses. A grande vantagem e verdadeira formula da importação para as empresas que optarem por essa habilitação é que elas não terão de fazer uma prova de capacidade financeira.

Esse é o cenário ideal para quem está começando e ainda tem pouco capital de giro. A norma do Radar Expresso também diz que o prazo de avaliação é de 2 dias, bem menos que os 10 dias para os outros tipos de habilitação.



Para solicitar essa modalidade de registro, é preciso se dirigir a qualquer unidade da Receita Federal e entregar um formulário de Requerimento de Habilitação preenchido(O download pode ser feito no site da Receita Federal) e apresentar documentos que comprovem que você é o responsável pela empresa, ou um dos responsáveis em caso de sociedade.

As empresas que optam pelo Radar Limitado são aquelas que podem importar até 150 mil dólares no período de 6 meses. Esse tipo de registro deve ser feito por empresas maiores. Sendo que exigem maiores comprovações e por isso passa a ser bem mais burocrático.


fonte:http://blog.egestor.com.br/como-importar-produtos-da-china/

Quais Os Riscos e Benefícios da Importação !!

Depois do Brasil conhecer o poder de fabricação chinês algumas décadas atrás, existia a crença de que tudo que era fabricado por lá seria frágil ou descartável. O Melhor curso de importação que existe.

Por isso a maré era de desconfiança quanto à qualidade dos produtos vindos do gigante asiático. Mas com o passar do tempo muitas crenças foram sendo quebradas, e hoje você deve acreditar em algo muito importante: importar produtos da China é um modelo de negócio bastante lucrativo!

Além do baixo custo para comprar milhões de produtos diferentes, a qualidade passou a ser outro ponto forte dos produtos fabricados na China.



Quer saber como importar produtos da China e entrar de cabeça nesse modelo de negócio? Então veja agora como começar a importar seus produtos legalmente para vendê-los no Brasil.

O sistema Radar Siscomex foi criado pela Receita Federal do Brasil em 2002 e regula todas as entradas e saídas de mercadorias no país. Assim que o registro for realizado, ele é válido por 18 meses. Você tem esse tempo para fazer a 1º importação mantendo o Radar atualizado.

O cadastro deve ser feito por toda e qualquer empresa que pretende investir em importação de produtos para revenda. Lembre-se de algo importante: você não pode importar no Brasil como pessoa física para fins comerciais! Apenas é permitida a importação de produtos para uso e consumo próprio.


fonte:http://blog.egestor.com.br/como-importar-produtos-da-china/

Como Importar Produtos Fisicos De Qualquer Lugar

Para entrar no mercado da revenda, é interessante que você comece por produtos mais baratos que vendam facilmente, para não assumir inicialmente grandes riscos. Pense sobre o que você gostaria de vender e quem são as pessoas que irão consumir o seu produto.

Se os seus recursos para investir na revenda de produtos importados são limitados, seja prudente na hora de escolher os produtos: não opte por aqueles muito caros.

O ideal é iniciar sua revenda com produtos de valor mais baixo, que esteja dentro de suas possibilidades, para crescer gradativamente e de forma sustentável, e no médio prazo, incluir produtos de valores mais elevados entre suas opções.

Se a sua capacidade financeira for mais ampla, é possível diversificar a gama de produtos ofertados. Mas lembre-se, (como importar dos eua) é imprescindível manter o foco. Escolha no máximo 3 tipos de produtos, e conte com a possibilidade de seu cliente fazer encomendas de produtos específicos.

É importante também que você conheça seus clientes e saiba de quais mercadorias eles gostam. Analise quem é seu público-alvo, quem compra o seu produto.

A revenda do produto certo vai depender dos fatores mencionados ante:riormente: sua capacidade financeira e seu público-alvo.



Por exemplo, se seu público for jovem, é comum quem compre roupas, perfumes, acessórios para celulares e computadores.

Já os adultos tendem a comprar acessórios para carros, equipamentos eletrônicos etc. Descubra qual é o mercado que você mais atinge e revenda aquilo que seu público mais consome.


fonte:https://segredosobreimportacao.com.br/importar-produtos-para-revender-lucro/

Quais São As Melhores Formas de Importar Qualquer Produto?

Segunda solução para importar produtos para revender legalmente
O segundo motivo é que deve haver um intermediador entre a entrega do fabricante para você, no Brasil. Mas qual a melhor saída e como importar produtos?

Isso faz com que o intermediador, no caso uma empresa multinacional de renome especializada em fazer isso, traga sua mercadoria de forma segura, pagando baixos impostos quando você importa produtos.



Além disso é possível mandar esse intermediador entregar direto na casa da pessoa que comprou o produto de você, diminuindo ainda mais os custos de entrega que você teria que arcar na sua revenda de produtos importados.

No Brasil, muitos empresários se interessam pela importação de produtos para revenda, e a razão é óbvia: alguns produtos importados chegam a ser mais de 200% mais baratos que em nosso país.

 No caso de produtos importados da China, o desconto pode chegar a 400%. Devido a facilidade de venda desses produtos, saber como importar para revender pode ser uma grande oportunidade para aumentar seu lucro e ter sucesso em suas vendas!

Você quer saber como entrar nesse mercado tão lucrativo? Preparamos uma lista com 8 dicas de como importar para revender, explicando passo a passo sobre o que você precisa fazer. Acompanhe o post!


Antes de mais nada, é preciso saber que existem 3 formas de importar para revender: utilizar uma empresa de Trading, que fará a intermediação da importação cobrando uma porcentagem do valor da compra; importar através do desembaraço aduaneiro, onde o valor do imposto é atrelado ao produto que você compra, podendo variar de 8% a 100%; e importar por dropship, que é a forma mais conhecida e utilizada, mas que representa alguns riscos tanto para o cliente quanto para o vendedor, conforme explicaremos logo mais.


fonte:https://www.erpflex.com.br/blog/como-importar-para-revender

Importando Qualquer Tipo de Produto em Tempo Recorde

Revender produtos importados é uma ótima forma de gerar lucro. O primeiro motivo é que produtos importados no Brasil podem ser revendidos por até 7 vezes o preço investido, dependendo do produto original. Camisetas de marca, relógios, cosméticos, perfumes e tantos outros.

Aprenda a importar com o academia do importador hoje mesmo.

Talvez o grande motivo de muitas pessoas não importarem produtos seja que elas não sabem o modo correto de como importar produtos originais, de forma legalizada, com nota fiscal, sem ter que saber falar inglês, sem ter que utilizar cartões de crédito gringos e sem ter que passar por grandes burocracias.



Acredite, é possível importar produtos originais legalmente sem ter que esquentar a cabeça com esses tipos de coisas.

Talvez esse seja o maior medo de algumas pessoas quando pensam em entrar no segmento da revenda de produtos.

Muitas pessoas não sabem o modo correto de importar e acabam pagando taxas de importação tão altas que o produto acaba saindo até mais caro do que se tivesse sido comprado no Brasil. Contudo, o modo correto de importar, que está sendo utilizado por diversas pessoas no Brasil faz com que as chances disso acontecer diminua drasticamente.

O que acontece é que no processo correto você compra diretamente do fabricante, o que acaba deixando os preços baixíssimos e dando a certeza que o produto que você está importando é 100% original, isso é muito importante.


fonte:http://empreendedormoderno.com.br/como-importar-produtos/